fbpx
Escolha uma Página

A descentralização do RH é resultado do avanço tecnológico nos organizações. Tem como base reduzir de forma sensível o sobrepeso das demandas desempenhadas pelo setor de Recursos Humanos.

A descentralização das tasks do RH é uma tendência que vem ganhando força. Essa transposição, que transfere algumas funções do RH aos líderes imediatos, contribui para que os profissionais de gestão de pessoas ganhem tempo para planejar e desenvolver ações estratégicas, objetivando vantagem competitiva e eficiência organizacional.

Para te auxiliar na compreensão do que se trata a descentralização do RH, reunimos informações que irão abrir seus olhos para processos reformulados e otimizados no RH. Então, acompanhe!

O que significa a descentralização do RH

A descentralização do RH promove a mobilidade de algumas responsabilidades, atividades e processos, que eram exclusivamente de responsabilidade do RH.

Um exemplo de função descentralizada do RH é a marcação eletrônica de ponto, na qual os próprios colaboradores têm controle sobre suas jornadas de trabalho com a supervisão direta de seus líderes. É uma das ações que podem deixar de ser da responsabilidade do setor de pessoal.

Desse modo, descentralizar este tipo de informação visa aliviar o setor de Recursos Humanos do sobrepeso de funções. Por conseguinte, os colaboradores e demais gestores se habilitam a gerir suas próprias informações, amenizando o RH.

É fundamental dizer que mesmo com a descentralização do RH, o setor aumenta ainda mais a sua vital importância, pois a necessidade de gerenciar e organizar essa nova perspectiva amplia a relevância da gestão de RH estratégico.

Qual a importância da descentralização em uma empresa

A importância muito relevante da descentralização é o ganho de tempo para o RH assumir seu papel estratégico, pensando em tomadas de decisões mais assertivas, direcionamentos mais bem embasados e ter como objetivo o crescimento da empresa.

Essa é a importância intrínseca da descentralização, a gestão de pessoas ganha tempo para buscar o desenvolvimento, planejamento e ação estratégica, impulsionando assim, os benefícios e vantagens competitivas.

Descentralização do RH e a Gestão de Talentos

A gestão de talentos precisa de muita análise estratégica, de desempenho e existem muitos pontos importantes para selecionar os talentos, desenvolver os talentos e analisar as competências e resultados, para seguir no processo de desenvolvimento.

Com o ganho de tempo para uma gestão de RH estratégico com a descentralização, os profissionais podem analisar relatórios de análises de perfil comportamental, avaliando o desempenho, os resultados e criando processos de treinamento e desenvolvimento efetivos.

Os líderes também ganham mais treinamento de como gerir seus times e direcioná-los para os objetivos esperados.

Atingir as metas de redução de turnover e desenvolver líderes e talentos ganham impulsionamento, elevando os resultados da organização e indo diretamente de encontro ao crescimento da empresa.

Com a Ideep você tangibiliza dados com análises de identidade comportamental para desenvolver líderes e treinar talentos, elevando resultados e gerando o crescimento e os sucesso da organização.

%d blogueiros gostam disto: